Soluções para o sonambulismo em adultos

Mar 27, 2021 | ACONSELHAMOS-TE, MELHORA O TEU DESCANSO

Embora seja mais comum em crianças, o sonambulismo também pode ocorrer em adultos. Levantar-se e caminhar enquanto dorme não deve ser sinónimo de grandes preocupações. No entanto, às vezes pode ser problemático se levar a possíveis lesões ou situações familiares complicadas. Revemos os seus tratamentos mais comuns e práticos.

10 remédios e conselhos contra o sonambulismo

Torne o seu ambiente num lugar seguro

Começamos com as medidas mais práticas que incitam a segurança. Basicamente, o sonambulismo pode causar problemas quando coloca em risco a segurança e a saúde de quem dorme. Portanto, transforme o seu quarto num habitat sem perigos. Por exemplo, comece por fechar todas as janelas e portas exteriores. Apoie-se numa espécie de sino que possa alertar os seus familiares e, acima de tudo, esconda objetos frágeis, vidros e espelhos. Finalmente, para evitar tropeçar, retire qualquer tipo de cabo, cadeiras e outros móveis.

Leia com atenção os prospectos dos medicamentos que tome

Em muitas ocasiões, a ingestão de certos medicamentos (por exemplo, benzodiazepínicos ou outros antidepressivos) pode levar a este tipo de comportamento. Consulte o seu médico ou farmacêutico sobre isso.

Estabeleça uma rotina de sono

Como já comentamos em outras ocasiões, ter uma rotina de sono correta é sinónimo de saúde e o melhor dos descansos. Mas além de melhorar a nossa higiene do sono, fazer certos tipos de atividades saudáveis, praticar técnicas de relaxamento, ler um pouco antes de dormir, evitar aparelhos eletrónicos e tornar seu o quarto um lugar agradável, podem ajudar-nos a evitar o aparecimento de sonambulismo. E, claro, evite poluição sonora e luminosa no seu quarto.

Evite todo o tipo de ruído enquanto dorme

Qualquer estímulo sonoro pode causar o aparecimento do sonambulismo.

Controle os seus níveis de stress e ansiedade

Se sofre de problemas psicológicos como o stress, ansiedade ou mesmo depressão, consulte um especialista. Em muitas ocasiões, o sonambulismo surge quando estamos ansiosos, stressados ​​e passamos por situações de grande preocupação na vida. Boa saúde mental é sinónimo de melhor higiene do sono.

Durma bem

Muito óbvio, mas quanto melhor conseguir dormir, menor a probabilidade de cair no sonambulismo.

Encontre um padrão para combater o seu sonambulismo

Durante várias noites, tente tomar notas ou peça ao seu parceiro que o faça em relação ao tempo que passa desde o momento em que vai dormir até que acorda como sonâmbulo. Se os horários forem mantidos mais ou menos constantes, será mais fácil combatê-lo.

Faça com que o despertem antes de sofrer sonambulismo

Relacionado com o conselho anterior, uma vez que tenha estabelecido o padrão, pode ajustar um despertador ou pedir para ser acordado. Faça isso cerca de 15 minutos antes do horário em que normalmente caminha a dormir. Uma vez acordado, fique acordado durante um tempo antes de voltar para a cama.

Faça terapia com a ajuda de um profissional de psicología

Visitar um psicólogo pode ajudá-lo com técnicas para reduzir o stress, melhorar a sua higiene do sono e atingir um nível mais alto de relaxamento. E, em alguns casos, pode ajudá-lo a aprender a auto-hipnose. Ou seja, por meio de determinada técnica você pode chegar a um estado de relaxamento tão intenso que poderá evitar o estado de sonambulismo.

Se o seu cônjuge ou familiar sofre de sonambulismo, acompanhe-o com cuidado até à cama

Embora as lendas urbanas sempre nos tenham dito que acordar um sonâmbulo era sinónimo de infarto, a realidade é bem diferente. Embora não seja perigoso para a sua saúde e nem seja necessário fazê-lo para voltar a dormir, é melhor não o fazer. Caso contrário, corremos o risco de ficarmos perturbados, desorientados e sofrer algum tipo de confusão que altera muito o humor.