Porque os apaixonados dormem melhor

Fev 14, 2021 | ACONSELHAMOS-TE, CASAL

Às vezes, dormir em casal pode ser um grande desafio: é comum que pelo menos um dos dois sinta uma redução na qualidade do sono ao dividir a cama com o parceiro. Podem dar pontapés, dar golpes involuntários, roncar… Problemas comuns que podem ocorrer em qualquer relacionamento à hora de dormir.

Porém, a verdade é que, quando estamos apaixonados, o nosso descanso parece melhorar. Isto foi confirmado por investigações como a publicada em 2020 na revista Frontiers in Psychiatry. Mas porque é que isso acontece? Vamos descobrir a seguir.

Ainda que às vezes possa parecer muito complicado, a verdade é que dormir com o seu parceiro pode ter efeitos muito benéficos para a sua saúde. Especificamente, o estudo realizado por um grupo de investigadores alemães procurou avaliar a arquitetura do sono  em casais que compartilham uma cama, ou seja, as diferentes etapas pelas quais passamos ao dormir.

Para realizar o estudo, os especialistas usaram uma amostra de doze casais heterossexuais jovens e saudáveis ​​que passaram quatro noites num “laboratório do sono”.

Comparou-se a quantidade de sono REM dos participantes a dormir sozinhos e a dormir em casal. Assim, obteve-se que a fase do REM sono aumenta e é menos interrompida naqueles casais que dormem juntos na mesma cama, em comparação com aqueles que o fazem individualmente.

Especificamente, os especialistas mediram os parâmetros do sono tanto na ausência como na presença do parceiro usando polissonografia dupla simultânea, para acompanhar o sono por meio de movimentos, ondas cerebrais, tensão muscular, respiração e atividade cardíaca.

Os sujeitos da experiência responderam ainda a um questionário sobre o grau de amor “apaixonado”, a duração da relação do casal e a importância da relação nas suas vidas, para medir as características da relação.

A fase REM está associada à consolidação da memória, regulação da emoção, interações sociais, resolução criativa de problemas e sonhos intensos. Assim, todos estes aspectos melhoraram naqueles casais que dormem na mesma cama, por mais estranho que possa parecer!

Os apaixonados sincronizam os seus padrões de sono

A equipa de investigadores também descobriu que, quando dormem juntos, os apaixonados sincronizam os seus padrões de sono. Além disso, quanto mais alto eles qualificam a importância do relacionamento do casal nas suas vidas, mais forte é o momento.

Os especialistas também observaram que os apaixonados que partilham cama registravam maior movimentação das extremidades, embora isso não perturbasse a arquitetura do sono dos participantes.

Estes resultados são úteis para compreender as suas implicações potenciais para a saúde mental e para compreender o sono como casal.

 Os apaixonados dormem melhor: mas, porquê?

Estar apaixonado enaltece a nossa vida. Cientificamente, parece claro que os relacionamentos românticos influenciam a saúde mental. E quando se trata do descanso, parece que esta mudança é para melhor.

A verdade é que a causa ainda é desconhecida, mas parece que pode dever-se ao facto de dormirmos com a pessoa pela qual estamos apaixonados. Segundo o grupo de investigadores que realizou o estudo anterior, a presença do companheiro pode facilitar a percepção de um ambiente de dormir “seguro”, enquanto que dormir sozinho pode representar um fator de stress.

Em qualquer caso, parece que, seja como for, os apaixonados dormem melhor juntos. É possível que as hormonas interfiram nisso ou seja devido àquela sensação de segurança de estar com a pessoa pela que estamos apaixonados nos dá. Di-lo a ciência! Mesmo que o seu companheiro se mexa muito na cama, será melhor continuar a dormir com ele para manter o seu descanso protegido. E se não conseguem dormir juntos devido a esses movimentos incómodos que podem ocorrer, lembre-se de que sempre pode usar um colchão de leitos independentes!