Porque nos cansamos mais no inverno?

Fev 22, 2021 | ACONSELHAMOS-TE, MELHORA O TEU DESCANSO

Tal como as estações mudam, nós também mudamos. O nosso corpo tenta adaptar-se a cada nova mudança de temperatura e horários que ocorrem, especialmente quando mudamos de uma estação para outra. As horas de luz do dia diminuem e as temperaturas caem. Isto faz com que, como seres humanos, a nossa fisiologia se transforme.

No caso dos animais, estes iniciam o seu período de hibernação. No entanto, no nosso caso, as mudanças internas que ocorrem no corpo vão além disso. Ao reduzir as horas de sol, a nossa exposição à luz também diminui e isso, acredite ou não, também tem efeito na neuroquímica do cérebro.

O que acontece ao nosso corpo quando chega o inverno?

O cansaço que caracteriza o inverno pode ser denominado astenia invernal, ou seja, um conjunto de sintomas que afetam tanto a saúde física quanto a mental de quem a sofre.

Em geral, os sintomas da astenia invernal são muito semelhantes aos do transtorno afetivo sazonal, com a diferença de que o cansaço invernal não é algo tão grave quanto esta síndrome (que deve ser consultada com o médico).

O transtorno afetivo sazonal

Também conhecido como SAD pela sua sigla em inglês, o transtorno afetivo sazonal é definido como uma forma de transtorno depressivo que ocorre numa determinada época do ano, geralmente no inverno e no outono. Este distúrbio pode significar sintomas como:

  • Sentimentos de pessimismo, desespero e irritação.
  • Tristeza.
  • Perspectiva sombri
  • Pouca energía.
  • Perda de interesse em atividades das que antes
  • Desejo de comer hidratos de carbono.
  • Pensamentos de morte ou

Este distúrbio pode ser mais visto em mulheres, jovens e/ou pessoas que vivem longe do equador. Além disso, as pessoas que têm parentes depressivos também são mais propensas a este problema.

Quanto ao cansaço no inverno em particular, este distúrbio também pode incluir:

  • Alterações no apetite.
  • Aumento de peso.
  • Cansaço ou falta de energia em geral.
  • Excesso de son

Causas do transtorno afetivo sazonal

Especificamente, parece que esta síndrome pode ser causada por um desequilíbrio neuroquímico do cérebro, especificamente parece que pode haver um desequilíbrio na hormona da felicidade, a serotonina, que desempenha um papel importante no nosso humor.

Além disso, também pode haver um aumento da liberação de melatonina, hormona que regula o sono, e diminuição da vitamina D, tudo em consequência da falta de luz.

Tratamento

Esta síndrome é geralmente tratada com psicoterapia, fototerapia e/ou medicamentos. Como já dissemos, nestes casos o melhor é consultar um especialista principalmente para determinar qual é o melhor tratamento possível para cada caso.

A fototerapia

A fototerapia, também conhecida como “terapia de luz”, consiste na exposição a uma fonte de luz especial durante a primeira hora após acordar todos os dias.

Esta terapia imita a luz natural e tem se mostrado eficaz para estes tipos de distúrbios, bem como para melhorar o humor em particular, embora as pesquisas sobre isso sejam um tanto limitadas.

Antidepressivos

Por vezes, o melhor tratamento para o transtorno afetivo sazonal são os antidepressivos, especialmente para os sintomas graves.

Geralmente é usado o antidepressivo bupropiona em pessoas com histórico de transtorno afetivo sazonal. Também pode recorrer a outros antidepressivos conforme o profissional considerar.

Nestes casos, o tratamento com antidepressivos pode começar antes do início dos sintomas, assim sendo, no Outono. Em qualquer caso, isso será determinado por um médico.

Psicoterapia

A psicoterapia também é uma opção a ser considerada no tratamento do transtorno afetivo sazonal. Também deve ser prescrito por um profissional e pode ser útil para:

  • Controlar o stress.
  • Programar atividades.
  • Identificar e alterar os pensamentos e comportamentos negativos que podem fazê-lo sentir-se pior.

Em todo caso, o facto de estar mais cansado no inverno não significa que seus sintomas correspondam a um transtorno afetivo sazonal. O cansaço no inverno é mais normal e controlável, enquanto o transtorno afetivo sazonal deve ser tratado em consulta médica. De qualquer forma, desfrutar de um bom descanso é fundamental para a nossa saúde, e estar cansado durante o dia pode afetar o nosso ciclo de sono. É por isso que recomendamos que consulte um especialista antes de tirar conclusões se achar que os seus sintomas são consistentes com a síndrome.