As crianças que não dormem podem ficar mais vezes doentes?

Abr 17, 2022 | CRIANÇAS, SAÚDE | 0 comments

Os nossos filhos dormem o suficiente? Os horários da escola, as distrações relacionadas com os telemóveis e outros entretenimentos vão contribuindo para que cada vez sejam mais as crianças que não dormem o mínimo de horas recomendadas cada noite. 

Esta falta de sono, como poderá imaginar, acaba por passar fatura no desenvolvimento de uma criança. É que os perigos de não dormir o suficiente vão mais além do que possamos pensar. Em concreto, em seguida vamos esclarecer a seguinte questão: as crianças que não dormem podem ficar mais vezes doentes?

Os efeitos de dormir pouco sobre a saúde

Os perigos de que as crianças durmam pouco, combinados com uma maior exposição aos germes na escola, podem fazer com que seja mais provável que uma pessoa jovem fique doente. 

Em concreto, segundo o Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido, o custo de todas essas noites de insónias vai mais além da simples falta de concentração que se pode produzir ao dia seguinte. É que dormir mal com regularidade coloca-nos em risco de sofrer doenças médicas, como obesidade, diabetes ou doenças coronárias, incluso nos mais pequenos.

Como regra geral, se o pequeno se desperta cansado e passa o dia a desejar uma oportunidade de fazer uma sesta, é provável que não esteja a dormir o suficiente. Uma variedade de fatores pode causar um sono deficiente, incluindo as doenças de saúde, como a apneia do sono. Mas, na maioria dos casos, isso deve-se aos maus hábitos de sono. 

As crianças que não dormem podem ficar mais doentes?

Parece que é assim mesmo, e as crianças que não dormem podem ficar mais doentes. Em concreto, parece ser que o sono aumenta a imunidade. Se parece que o pequeno se contagia de todos os resfriados e gripes que o rodeiam, a hora de dormir poderia ser a culpada.  A falta prolongada de sono pode alterar o sistema imunológico, pelo que é menos capaz de se defender dos agentes patógenos. 

Além do mais, o sono pode levar a que as crianças possam perder peso. Dormir menos pode significar que existem alterações metabólicas. Os estudos demonstraram que as pessoas que dormem menos de 7 horas ao dia têm a tendência a ganhar mais peso, e têm um maior risco de sofrer de obesidade, quando comparadas com as crianças que dormem 7 horas. 

Isto poderia dever-se a que as pessoas privadas de sono têm níveis reduzidos de leptina (uma substância química que o faz sentir cheio), e níveis elevados de grelina (a hormona estimulante da fome). 

Por outro lado, dormir pouco poderia supor um maior risco de sofrer de diabetes. Os estudos têm sugerido que as pessoas que normalmente dormem menos de 5 horas por noite têm um maior risco de desenvolver diabetes. Parece que perder o sono profundo pode conduzir ao aparecimento da diabetes tipo 2, ao modificar a forma na qual processamos a glucose que o corpo utiliza para obter energia. 

Além disso, uma criança que dorme pouco pode estar em risco de que o seu bem-estar mental se veja comprometido. É que parece que a falta de sono crónica pode conduzir a transtornos do estado de ânimo a longo prazo.

Segundo a investigadora Susan Malone, quiçá o mais preocupante de que as crianças durmam pouco é como isto pode ter repercussões no seu estado mental. Em concreto, parece que se encontra um forte vínculo entre a falta de sono e as automutilações, de modo que os estudantes de secundário que dormem menos de 6 horas têm mais do triplo de probabilidades de reportar que estavam a considerar suicidar-se, fazer um plano de tentativa de suicídio ou tentar suicidar-se, quando comparados com os estudantes de secundário que dormiam 8 horas ou mais.

Além do mais, parece que os estudantes de secundário que dormem menos de 6 horas têm quatro vezes mais probabilidades de informar de uma tentativa de suicídio. 

Como fazer para que as crianças possam dormir melhor?

Para conseguir que as crianças assumam uns bons hábitos de descanso, há alguns passos que se sugerem, de modo a ajudar as crianças a dormirem melhor:

  • Falar sobre a importância e os benefícios de dormir suficientemente cedo com as crianças. Podemos ter essas conversas sobre o valor de dormir durante o dia (é melhor do que durante a noite, ou enquanto tenta levar o pequeno para a cama).
  • Nunca usar ir para a cama cedo como castigo, ou ficar acordado até mais tarde como recompensa. Não utilize o quarto para as pausas ou castigos. Otimize o ambiente de sono do filho e adolescente. Um quarto escuro, cómodo e tranquilo, com um colchão e almofadas cómodos, é tão importante para as crianças como para os adultos. Ir para a cama deve sempre ter uma conotação positiva. 
  • Deve existir um limite para o uso dos dispositivos eletrónicos, e os pais deveriam tentar manter todos esses aparelhos e monitores fora do quarto dos filhos. 

Se, de todas as formas, não consegue que o pequeno vá dormir a uma hora decente, para que possa descansar o suficiente, o melhor será que se consulte com o seu médico. Como vê, a falta de sono é perigosa para a sua saúde. Agora que já sabe que as crianças que dormem pouco podem ficar mais doentes, não arrisque nem um pouco!