5 conselhos para começar o ano com energia

Fev 1, 2021 | INFORMAMOS-TE

Com mais desejos que em qualquer outro ano vivido, toda a humanidade vai lutar para deixar 2020 para trás e começar um 2021 infinitamente melhor. Com a ajuda da esperança e da força, começar o ano com energia será a primeira das nossas resoluções.

1. Moderar o stress, reduzir a ansiedade e acabar com qualquer vislumbre de depressão

Reuniões, conciliação familiar, promoções profissionais, despedimentos, precariedade, riqueza, redes sociais, maternidade, paternidade, doenças, vontade de competir. Bem o oposto da tranquilidade e baixo ritmo dos nossos antecessores, que apenas aspiravam a alimentar-se bem e crescer saudáveis.

Mas como não é possível carregar no botão de pausa e continuaremos com as mesmas atividades impostas por este ritmo de vida, podemos sempre diminuir o stress com alguns atalhos. Como? Organizando-nos de forma mais eficaz e não perder certas rotinas, como descansar melhor.

Como já dissemos várias vezes, dormir melhor fortaleceo nosso sistema imunitário e, portanto, evita gripes, doenças e constipações. E, claro, melhora o humor.

 2. Manter uma dieta saudável, equilibrada e, porque não, sustentável para com o meio ambiente

Além da importância que damos à silhueta no sentido mais superficial da palavra, devemos priorizar uma alimentação melhor e mais saudável. Para isso, nada melhor que começar a dar mais importância a certos hidratos de carbono de absorção lenta. Ou seja, grãos inteiros (aveia ou trigo), legumes, vegetais e nozes. Pode combiná-los com guisados e sopas, por exemplo.

O próximo passo está relacionado com os alimentos ricos em ácidos gordos ómega-3. Encontramo-los em peixes azuis, certas microalgas, nozes e sementes de chia. Obviamente, todas as vitaminas B e magnésio são importantes para equilibrar o nosso sistema nervoso.

Por último, como já deve saber, reduza o consumo de açúcares e gorduras. Não são apenas prejudiciais à nossa dieta e ao nosso físico, mas também nos podem levar a certos estados de espírito mais negativos, irritabilidade e falta de concentração no trabalho.

3. Apanhar sol e aproveitar as horas do dia

Já deve ter percebido que muito do que o ano novo lhe poderá trazer de bom gira à volta do seu estado de espírito. Procurar positividade e energia é algo que não podemos alcançar sem um elemento importante: a luz do sol.

Como já dissemos várias vezes, a importância da luz do dia está na produção de serotonina e dopamina. Ou seja, duas hormonas que vão regular o seu humor e as suas emoções.

Expor-nos à luz do sol em vez de nos fechar em escritórios, casas e pequenos quartos aumentará a presença de melatonina, a hormona do sono. Ou seja, voltamos a um ponto vital para nossa felicidade: um bom descanso. A higiene do sono correta.

Com um plano tão simples como dar um passeio de dia, apanhar sol, dormir bem, e a felicidade estará mais perto.

4. Praticar desporto e fazer exercício físico

Correr, caminhar, andar de bicicleta, nadar, ir ao ginásio, jogar futebol ou basquetebol, patinar… Qualquer atividade que envolva exercício físico é sinónimo de benefícios para o nosso organismo.

Desde a regulação dos níveis de açúcar e colesterol até à melhoria da nossa condição física (mais flexibilidade, força física), a prática desportiva exercita não só o corpo, mas também a mente.

Uma maior liberação de hormonas pelo nosso corpo graças ao desporto, o nosso humor melhora, os níveis de ansiedade reduzem, evitamos problemas como a depressão e, mais uma vez, dormimos tranquilos à noite.

5. Estabeleça metas, tenha objetivos, planeie projetos

Embora tenhamos dito que parte dos problemas atuais resultam do ritmo de vida e da auto-exigência a que nos submetemos, é importante manter uma certa ambição.

Aproveitar o ano novo para fazer um balanço do bom e do mau pode levar-nos a refletir sobre a nossa família, o nosso parceiro, o nosso trabalho e os nossos projetos. O que queremos mudar? O que podemos melhorar? Em resumo, o que pode deixar-nos mais felizes?

A partir de propostas em forma de listas, demos asas à imaginação e ousemos com aqueles projetos para os quais nunca tivemos coragem, podemos melhorar a nossa mente e, portanto, a nossa saúde.